Almanaque vem do árabe al-manakh, que é o "lugar em que o camelo se ajoelha". Ponto de reunião dos beduínos para conversar e trocar informações sobre o dia-a–dia.


quinta-feira, 25 de agosto de 2005

3º Dia - Edgar Allan Poe

Olá a todos! Tenho lido e pesquisado muito sobre Poe esses últimos dias e por isso deixo um poema dele para fechar essa semana!!
Desde criança nunca fui como outros foram
Nem meus olhos nunca viram o que outros viram,
Já que minhas paixões não têm a mesma origem,
Não vêm da mesma fonte as dores que me afligem.
Também o prazer era de outra natureza -
Tudo que amei ninguém amou, tenho certeza.
Lá - no despontar de um viver atormentado -,
Do âmago do bem e do mal foi arrancado
Esse mistério que ainda me traz prisioneiro:
Da cascata e da torrente - do ocre do outeiro -
Do sol a desfilar sua outonal majestade
E da nuvem que a meus olhos tomou o perfil
De um demônio naquele céu azul anil.

Um comentário:

Fraudinha disse...

Meu! Quando vier aqui em casa, precisamos conversar seriamente!